Rota de Escravo

Livro: Rota do Escravo
UNESCO

” Primeiro sistema de mundialização da história, o comércio negreiro transatlântico e a escravidão, constituem a matéria invisível das relações entre a Europa, a África, as Américas e as Antilhas. Este episódio dramático da história da humanidade chama, devido à seu caráter humano (várias dezenas de milhões de vítimas), por causa da ideologia que o justificou (a construção intelectual do desprezo do africano e do racismo para justificar a venda de seres humanos como bens conforme com à definição do Código negro francês) e visto o tamanho da desestruturação econômica, social e cultural do continente africano, a atenção para se interrogar sobre o sigilo histórico que o rodeou durante muito tempo ” (Doudou DIENE).

Sob a proposta do Haiti e países da África, iniciadores do projeto, a Conferência general da UNESCO aprovou em 1993 o lançamento do projeto “A Rota do Escravo” que foi feito oficialmente em 1994 em Ouidah no Benin.

(Clique na imagem para Download)

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 3.894 outros seguidores