Tags

, , , , ,

As comemorações do mês da Consciência Negra neste ano contarão com um evento a mais: a realização da 1ª Cavalgada da Liberdade, que acontecerá no próximo dia 18, patrocinada pelo Ministério do Esporte e o Governo de Alagoas. O percurso será de 54 quilômetros, com saída em União dos Palmares – domingo 18, às 5h da manhã – até a Serra Dois Irmãos, em Viçosa, provável local onde Zumbi foi morto por tropas do Exército Brasileiro.

O governador Teotonio Vilela e o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, vão liderar a cavalgada, com uma estimativa da presença de mais de 200 cavaleiros, e a presença de outros três ministros, do Turismo, da Cultura e da Igualdade Racial.

A 1ª Cavalgada da Liberdade que acontece neste domingo (18/11), irá passar por vários povoados (Timbó, Santa Efigênia, Gurgumba) e diversas fazendas (Jitirana, Peri-Peri, Barra do Jundiá, Queimados, Queimadinhos, Recanto, Mata Verde, Boa Sorte e Poço Feio) dos municípios de União dos Palmares, Capela, Cajueiro e Viçosa.

Este roteiro procura ser o mais coerente possível com o Professor Ivan Fernandes Lima, que mostrou através de muito estudo e pesquisas, que seria esta a rota de fuga dos moradores do Quilombo dos Palmares, entre a Serra da Barriga (União dos Palmares) e a Serra 2 Irmãos (Viçosa), onde ocorreu a morte do maior líder deste Quilombo, ZUMBI DOS PALMARES.

Para participar desta grande festa vc precisa fazer a inscrição através do blog; http://www.cavalgadadaliberdade.blogspot.com.br, doar uma cesta básica de alimentos e estar com os atestados de Anemia Infecciosa Equina – A.I.E e MORMO dos animais em dia.

Dentre os inscritos estão homens, mulheres, adolescentes, das mais variadas faixas etárias, dos 16 aos 65 anos, com atividades e profissões bem diferentes, como: estudantes, professores  funcionários públicos, agrônomos, engenheiros, enfermeiras, etc.

Segundo um dos inscritos, Herófilo Ferro: “Esta Cavalgada vai ficar na história. O percurso contempla as belezas naturais de uma Alagoas pouco conhecida, além do resgate da importância histórica de Zumbí dos Palmares”.

Fonte: Alagoas 24horas

 

Anúncios