Tags

, , ,

Este slideshow necessita de JavaScript.

É tradicional a comunidade jongo Dito Ribeiro de Campinas – SP, que em todo dia 20 de novembro ir até a praça onde está a estátua da mãe Preta e abrir sua linda roda. Os anos se passam e a roda cresce as pessoas do bar, param para assistir e os moradores dos prédios fazem o mesmo.

Este ano foi para mim especialmente algo que mudou a minha vida, ali pude rever atitudes e conceitos, pois as cantigas trazem os recados que necessitamos.

Na batida do tambor, nas palmas e nos passos da dança, toda nossa ancestralidade vai sendo aflorada e começamos enxergar a vida de maneira diferente.

Para mim o jongo nos coloca na presença de Deus de forma viva e alegre, que a felicidade parece transbordar a minha alma.

“andei parei

Custei mas no jongo cheguei.

Ohh Dandá Abre a roda

Ohh Dandá abre a roda

Quem foi que disse, quem te falou?

Que em Campinas não havia Jonguerô.”

Por: Oluandeji

Fotos: Robson Sampaio

Anúncios