Tags

, ,

Este texto abaixo está no site do nosso irmão Alexandre de Oxalá – Baba Alaíyé da Rede AFRO Brasileira.

Acho que devemos nos mobilizar e cobrar de todos as atitudes seja do axé, sejam de órgãos particulares ou públicos, para que nossa religião não seja esmagada pelo Cristianismo insano que o Pastor de Deputado Marcos Feliciano pratica.

Temos que lotar a sala da camara até a rua, para mostrar que não seremos calados e nem humilhados.

“Se Palmares não existe mais, faremos Palmares de novo”.

Por: Oluandeji

Irmãos e irmãs, benção de todos

É lamentável mas é verdade, a Bancada Evangélica por intermédio do Deputado Marcos Feliciano de São Paulo, travou os trabalhos no Congresso Nacional com uma única intenção. Impedir a realização de toda e qualquer audiência pública que aborda-se a intolerância religiosa por eles praticada contra os povos tradicionais de matriz africana.

A atitude mais do que preconceituosa tem como objetivo elevar a perseguição contra nossa fé, para tanto eles lotaram todos os horários e agendas dos plenários para impedir a realização de audiências públicas para abordar o tema.

Assim na tentativa de conseguir debater o mesmo, a Frente Parlamentar Mista pela Igualdade Racial e em Defesa dos Quilombolas em conjunto com a Frente Parlamentar em Defesa dos Povos Tradicionais de Terreiro, uniram forças com a SEPPIR PR e conseguiram agendar o Seminário em Defesa da Ancestralidade Africana do Brasil.

O Seminário ocorrerá no dia 29/11/2012 – quinta feira – às 14:00 horas no Plenário 01 da Câmara dos Deputados (Congresso Nacional – Brasília).

Sinceramente, por uma questão de honra, de princípios e de amor aos nossos antepassados e pela manutenção das nossas tradições é que devemos lotar o plenário, não podemos nos omitir nesta hora, assim convido e peço venham, lotem a casa, vamos à luta pois a questão esta ficando mais séria do que possam imaginar.

Somos todos filhos de Oixás, Inkisis e Voduns, eles foram Reis, Rainhas e mais do que tudo, foram e são guerreiros, eles nunca fugiram de suas responsabilidades, nunca abandonaram os seus filhos, portanto se eles reinam em sua vida esta na hora de você assumir isso e lutar por eles como eles fizeram no passado, faça com que eles tenham orgulho de você venha para luta, venha participar, saia do seu espaço de segurança e se mostre para a sociedade.

Seminário em Defesa da Ancestralidade Africana no Brasil – EU VOU E VOCÊ?