Tags

, , , ,

154433_514442055247020_1559168845_nA liberdade religiosa ainda é uma luta árdua para as pessoas de religião de matriz africana! O Centro do Pai Edvan na quadra 103 do Recanto das Emas sofre com a intolerância religiosa dos vizinhos que perseguem os seguidores para que o terreiro feche! “A gente não vai sossegar enquanto tiver um ‘macumbeiro’! É melhor um vizinho bandido do que um ‘macumbeiro'”. A fala é reproduzida pelo pai Edvan e

o preconceito confirmado pelos freqüentadores do Centro Espírita! A comunidade declara que todas as semanas existem células de outras igrejas nas outras casas, portanto não poderia existir já que, tanto os ubandistas quanto os evangélicos, não poderiam exercer atividade religiosa em área residencial! Então porque a proibição apenas do som do atabaque? É preciso lutar pelo fim do preconceito e lutar pelo direito de expressarmos a nossa religião!

 

Texto: Militantes de Brasília

Não é a primeira vez em Brasília e nem em outra cidade que essa violência aos nossos direitos acontece, mas devemos fazer este azeite de Dendê fritar essa ignorância, assim ajudando nossos irmãos que estão em Brasília.

Temos que divulgar essa notícia a exaustão para que saibam que não iremos nos calar enquanto tentam destruir os terreiros sejam ele de Umbanda, Candomblé ou qualquer outra religião.

Parabéns a Deputada Érika Kokay (PT) que sempre está disponível para nossas lutas, mas precisamos fazer um tsunami nas redes sociais.

Fly1O Estado é laico e nunca mais irão nos calar nossos terreiros, porque o povo do axé vai estar atento e irá lutar para que este crime constitucional seja repelido e condenado.

Por: Oluandeji

Anúncios