Tags

, , ,

Foto: Drielly JardimFoi realizada nesta sexta-feira (28), na sede da Fundação Cultural Palmares, em Brasília, a primeira oficina de testes para o Cadastro Eletrônico das Comunidades de Terreiros, o e-Matriz. Representantes de terreiros do Distrito Federal e região testaram a primeira versão do sistema e puderam fazer sugestões de melhoria e tirar dúvidas.

A plataforma, prevista para ser lançada em março de 2013, tem como objetivos principais coletar e sistematizar dados que permitam a formulação, monitoramento, gestão e avaliação das políticas públicas de cultura e das políticas culturais em geral para as comunidades tradicionais de terreiros, além de disponibilizar estatísticas, indicadores e outras informações relevantes para a caracterização das demandas e ofertas de bens e serviços culturais das comunidades.

Foto: Drielly JardimDe acordo com o diretor do Departamento de Proteção ao Patrimônio Afro-brasileiro da FCP, Alexandro Reis, o e-Matriz “visa cumprir as determinações do Plano Nacional de Cultura (PNC), especialmente a meta que visa atualizar o Sistema Nacional de Informações e Indicadores Culturais (SNIIC)”. O PNC foi publicado em julho deste ano pela Secretaria de Políticas Culturais do Ministério da Cultura.

Fonte: Fundação Cultural Palmares

 

 

Anúncios