Polícia Militar agride aluno na USP (09/01/2012)

Policia Militar, nos traz sentimento de proteção ou medo?
Engraçado nesse vídeo, todos gritam, mas só o negro apanha. Será que é o único “com cara de pobre”? Será que é mais fácil ridicularizar uma pessoa negra? Ou será apenas covardia da PM? Vejam só, mesmo que os alunos da USP estivessem fazendo algo errado porque chacoalhar, bater, empunhar a arma numa situação onde ninguém esteja agressivo ou armado. O fascismo continua vivo.

Para mim não passa de covardia, de um policial obeso (que não está apto a correr atrás de ladrão), mas me parece ativo em bater em um aluno desarmado. Penso eu, que existem policiais com P maiúsculo, mas não é isso que está demonstrado no vídeo.

Resposta da Polícia Militar:  Comandante  Wellington Venezian, afirmou que esse não é o procedimento da PM, e afastou o sargento André Luiz Ferreira e o soldado Rafael Ribeiro Fazolin, que cometeram erros graves, numa ação truculenta contra o jovem estudante negro. Num inquérito interno, que levará 60 dias para sua conclusão, estudantes da USP serão chamados para depoimento do ocorrido.

Um recado ao Comandante Wellington Venezian: Se forem afastar todos os PMS nesta mesma situação, a PM de São Paulo irá ter uma grande quebra de contingente. Infelizmente é a realidade que os oficiais tentam negar.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s